.

Tuesday, February 24, 2009

Carnaval, Big Brother , Led Zeppelin, e solos de guitarra não vão me conquistar.

That's The Way

Eu não sei bem sobre o que falar, porque é carnaval, ou foi, não sei direito, e eu não viajei , não corri atrás de nenhum trio , não ganhei nenhum colar de bolinhas brancas e azuis e não fiquei com o bateirista do asa de águia.Não que algum dia eu quisesse fazer isso, até porque nem sei quem é a pessoa. Mas é só pra dar ênfase que nada de emocionante, novo e incrivel aconteceu. Obvio que meu carnaval não foi bizarro. Muito pelo contrário. Eu gostei dele. Teve gnomos (não eu não estou fumando maconha), teve amiga no msn , teve o bloco dos sem ssa, teve a casa de tio Betinho Manzion Pazos albergue da juventude sa, com mímica, pista, heinekem (ai q saudade ),e pizza a la Amanda.Teve friends. E praia. E teve o Naná e o "descompartimentador " de átomos de florzinhas de canudo. Ah, teve o big brother e seus bilhões de barracos protagonizados por gente chata, mediocre e mal educada, mas que eu acompanho que nem hamsters numa gaiola e não tenho a menor vergonha na cara de admitir. E se alguém abrir a boca pra dizer que sou alienada eu vou mandar todo mundo catar coquinho na biblioteca virtual que será desativada por falta de acesso dos senhores brasileiros cultos.

E hoje, teve Led Zeppelin. Uma tarde inteira e uma noite inteira ouvindo Led Zeppelin e alternando momentos de ...hum..." êxtase" por causa do blues, com momentos de depressão profunda. Sabe aquela coisa do "não quero lembrar, não quero lembrar!!!" ? Então. Bem assim. Inconscientemente as coisas ficam explodindo na sua cabecinha a cada solo de guitarra de You Shooke Me, sabe como é?Stairway To Heaven vira uma tortura, e Since I've Been Loving You te faz chorar que nem uma pateta. Dai você troca de play list e aquilo tudo ainda está lá, gritando pra você deixar ir embora. Mas vc é um tanto quanto insegura e desastrada e não sabe bem como fazer isso. Ou tem medo de fazer isso. Porque você tem medo de sentimentos novos. Mas você prometeu não deixar o medo atrapalhar nada. E você não é boa com promessas, mas é carnaval e você sabe que no carnaval coisas incrivéis acontecem.Agora mesmo. Enquanto você escreve um texto em um blog pré adolescente começa a tocar Your Time Is Gonna Come , e você sabe que é disso que você precisa. É isso que você precisa cantar na quarta feira de cinzas, quando todo mundo volta pra casa...

8 comments:

Lost Samurai said...

Cinzas de uma chama que ardeu... Vermelho de chamas que ainda hão de vir a arder... E o mesmo vento é o que sopra as cinzas e alimenta as chamas... Que faz bailar os cabelos enquanto te alisa a face.
Beijos!

Mariana Andrade said...

Vão te conquistar sim, rs. Então viaje na música ou mude a playlist, baby... E pergunte ao Samurai se ele prefere vermelho ou vento, vaquinha... bjo

Icaro Messias said...

"Hum, eu quero você como eu quero", esse carnaval só me fez pensar isso, vc sabe pq né? mas eu preferia ter ido a algum lugar e beijado varias, comido algumas... uihaiuha, mas se isso tivesse acontecido eu iria voltar e pensar a mesma coisa... "eu quero você, como eu quero"! aff, diabo isso que não passa... :@

Thiago Dias said...

definitivamente, a melancolia lhe comove: vc escreve muito bem sob os efeitos dela.
rs
beijão

Encosto de Betty Davis said...

Eu sou a amiga do msn!



Eu sou seu carnaval baby!

Colombina said...

Perai, não entendi...
Vc bateu uma ouvindo "Ledi Zeplin"?

Amanda Maron said...

Acho que foi isso, Lai.
E aí ela não chegou lá e ficou pensando nisso quando mudou de playlist.

No fim das contas, abra a camisa, sinta o vento - esse das cinzas, chamas, cabelos e face - e pule na noite.

BoLaS said...

hummm...já vi esse filme...
hehehe