.

Tuesday, January 20, 2009

A divina comédia.

Tá tarde e amanhã eu viajo cedinho pra Itacaré, portanto serei breve. Quando eu disse que os trabalhos começariam eu não estava brincando, isso é fato. Mas eu também não imaginei que fosse ser tão fácil (hehehe). Digamos que tenha sido uma comédia. Uma divina comédia. Digamos que eu tenha me sentido quase uma Beatriz...

"Se mai continga che 'l poema sacro
al quale ha posto mano e cielo e terra,
sì che m'ha fatto per molti anni macro,
vinca la crudeltà che fuor mi serra
del bello ovile ov'io dormi' agnello,
nimico ai lupi che li danno guerra;
con altra voce omai, con altro vello
ritornerò poeta, e in sul fonte
del mio battesmo prenderò 'l cappello . . . "


Eu nunca gostei tanto de ganhar uma aposta...

3 comments:

Lost Samurai said...
This comment has been removed by the author.
Lost Samurai said...

Humm... Então é isso. Tô gostando de ver. Quero vê-la feliz, sorrindo, curtindo, sempre.
Beijos Kekinha!

Amanda Maron said...

Opa!
o.O
Eu li direito?
Eu realmente saquei a subliminaridade.
Só não sei se saquei certo.
owmygod.