.

Saturday, July 12, 2008

Se fosse feito de película


Eu gosto de contar histórias e gosto de vivê-las.Acho perfeitamente possível e nem um pouco estranho pessoas inventarem histórias e vivê-las com o passar do tempo.Não, não estou falando de mentiras, até porque eu tenho problemas, seríssimos diga-se de passagem, com mentiras.Mas acho lindo aquelas pessoas que inventam suas próprias vidas e as tornam reais.
Eu mesma já fiz isso algumas vezes, mas talvez por negligencia minha, ou mesmo falta de esforço algumas vezes deixei o script de lado e no final a gravação não deu certo, o filme velou.
Estou aqui escrevendo esse texto porque estava pensando nisso.Na vida.Acho super divertido e nada produtivo passar as noites de sábado pensando na vida.Mas agora já chega,já pensei, já cheguei a uma conclusão...Lá vou eu me arrumar pra viver a minha vida.Seguir o meu roteiro.E se minha vida fosse mesmo um filme eu demitiria o diretor de arte.
Próximo post vai dizer algo mais...mais...Mais "legível".

2 comments:

Eduardo Henrique Silveira Mota said...

Escrever sua história é como escrever um amor. Pode dar certo ou podemos nos decepcionar. Às vezes o problema é do roteirista. No meu caso o problema é o ator mesmo.

˙·٠••●ą мσçą dą ﻝąиєℓą • said...

Ou seja: Erika Cotrim cheirando fixador e ficando doidona!! Depois fala que o filme velou¬¬