.

Monday, October 27, 2008

Terra do frio. O relato .

Pronto, passado o dia triste, frio, vazio e sonolento, vamos aos fatos.Conquista foi legal.Ou não. Foi confuso. Confuso mesmo.Mas foi bom também.E é tão estranho ver que você não conhece mais as pessoas como achava que conhecia. E é tão bom conhecer outras pessoas e outros lados de outras pessoas...Isso tá confuso, pra variar. O fato é que Conquista foi marcado pelo reencontro rápido porém marcante com o senhor farsante, com a noite aglomerada de efeitos alcoólicos, com o mr Hyde cantando lindamente, e com a compra da minha passagem para o inferno. Sem direito a baldeação no purgatório.Conquista foi marcada também pelo por do sol que me fez chorar depois de algum tempo sem derramar lágrimas, o por do sol que me fez sentir de uma forma única como era bom estar viva e como eu quero viver cada dia mais e ver coisas tão bonitas como aquele por do sol. Conquista foi marcado por perfume de mulher, e o tango.Foi marcado pelos menores detalhes, e pelos maiores. Foi marcada pelos meus erros,e por um pouco do meu egoísmo tradicional.Foi marcada pelo medo, o terrível medo de perder um dos poucos que sabem o que eu tô sentindo simplesmente pelo olhar. Aliás, nem pelo olhar. Pela respiração, porque eu nem preciso olhar pra ele que ele , e só ele, sabe o que está acontecendo. Mas conquista foi marcada também pela prova, ainda que eu não quisesse notar que eu cresci, e que agora eu tô sozinha.E que apesar de não parecer, isso é bom.Conquista teve trilha sonora própria...Teve tudo próprio...Encanto, desencanto, medo, coragem, respiração afoita e serena, sonho bom, sonho ruim, cama vazia, e cama cheia, frio e calor. Mas , eu não quero errar tão cedo.E é estranho mas... "Wish you were here".

2 comments:

Colombina said...

realmente!

Não entendi nada!
Ou quase nada...

mas enfim...
sei que aproveitou!

Sr.Farsante said...

realmente encontro rápido, mas também ñ tinha como conversa naquela confusão e eu te vi quando tava indo pra outro lugar e acabei abandonado por causa daqueles poucos segundos...

obs: queria ter conversado mais e prefiro seu cabelo enroladinho.